A rotina de estudos anda desgastante demais? Então pratique meditação!

Se você estuda pra valer para concursos públicos, certamente você está dando o maior gás nos estudos. Mesmo que trabalhe o dia todo e não tenha muito tempo livre, provavelmente você está aproveitando ao máximo as suas horas de estudo, principalmente aos fins de semana.

Posso apostar, também, que você tem investido em materiais de qualidade e se dedicado à resolver questões e mais questões de provas anteriores. Imagino que você tenha grandes chances de ser aprovado em um concurso público, porque está mergulhado (a) de cabeça nos estudos. Mas é importante dizer que o seu emocional pode colocar tudo a perder. Sim, se você não estiver bem emocionalmente durante a sua jornada, todo o resto fica comprometido. Se estiver tomado (a) pela ansiedade, pelo estresse e pela frustração, é bem possível que você não consiga os resultados que almeja.

Quem consegue ter um bom desempenho numa prova se a mente está exausta? Quem consegue viver um dia de cada vez se a mente está ansiosa? Quem consegue se livrar da frustração se a mente está condicionada a pensar apenas naquilo que ainda falta? Reflita sobre essas questões e me diga: emocionalmente falando, você se sente preparado para encarar essa rotina desgastante de estudos para concursos?

Arrisco dizer que não, porque a maioria dos concurseiros deixam de lado esse tipo de preparação. Se esse é o seu caso, é hora de mudar de atitude e começar a dar a devida atenção para o seu lado emocional, que é decisivo em grandes disputas, como acontece na área de concursos públicos. 

COMO A MEDITAÇÃO PODE AJUDAR?

meditação

A meditação pode ser uma poderosa arma no combate à ansiedade, ao estresse e à frustração que, muitas vezes, impedem o concurseiro de alcançar os resultados almejados. A prática nos conecta com o momento presente, o único que realmente existe.

O passado já foi e o futuro ainda não chegou. Pode parecer clichê essa conversa, mas pense no quanto a nossa mente passa grande parte do tempo divagando. Estamos sempre remoendo o que passou e planejando o que ainda virá, deixando de focar no que está acontecendo neste exato momento. 

Já quando meditamos vamos, aos poucos, aprendendo a direcionar a atenção para o aqui e agora, por meio da respiração. Observando o movimento de entrada e saída do ar, criamos condições para que a mente se acalme e para que os pensamentos perturbadores apenas passem, sem que a gente se identifique com eles. É claro que esse estado de calma e quietude dificilmente será alcançado na primeira sessão de meditação. É preciso PRATICAR, como tudo na vida, não é mesmo? Nenhum segredo até aqui…

MAS EU NÃO SEI MEDITAR

meditação

Tudo bem, você não sabe a parte técnica da coisa, mas tenho certeza de que você consegue sentar-se em uma posição confortável e permanecer com os olhos fechados por alguns minutos. Pode ser que se sinta disperso (a) no começo, mas se insistir, provavelmente irá se concentrar mais a cada sessão de meditação.

Portanto, eu só peço que você comece! Pratique um dia que seja e veja como funciona. Tudo bem se você terminou a prática antes do tempo ou se você se sentiu perdido (a) demais meditando sozinho (a). Neste caso, recomendo que procure uma meditação guiada neste início, para que tudo fique mais fácil e você não pense em desistir.

Aqui neste blog eu consegui várias indicações de áudios de meditação guiada em português disponíveis gratuitamente no Youtube. Sugiro que vá ouvindo um a um até chegar naquele que tem mais a ver com você. Se não encontrar nenhum, continue pesquisando no Youtube. Há boas opções por lá.

Só tente não desanimar, caso não consiga “meditar corretamente” nas primeiras semanas. Isso é absolutamente normal, não precisa se preocupar. Continue praticando e se aperfeiçoando aos poucos, sem pressa. Não transforme a meditação em mais um compromisso, em mais uma obrigação. Vá sem cobranças e veja no que dá. Fico torcendo para que, ao fim de tudo, você goste muito dessa ideia de meditar. 

VÍDEO – COMO MEDITAR? 

Para encerrar, recomendo que você assista ao vídeo abaixo. Nele, a Monja Coen, conhecida por seus ensinamentos sobre o budismo, explica como praticar a meditação Zazen, tradicional prática budista. 

Para saber mais sobre o Zazen, clique aqui. 

 

A rotina de estudos anda desgastante demais? Então pratique meditação!
Avalie este artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *